Monitorando a rede da sua empresa com soluções de defesa avançada.

Um computador da rede se comporta de forma suspeita, parecendo como se estivesse sendo controlado remotamente. E agora, o que fazer? Descubra como a mais recente tecnologia da segurança pode ajudar com soluções de defesa avançada.

O perigo de ser invadido remotamente por cibercriminosos é algo real e presente para qualquer empresa, sobretudo as que lidam com dados confidenciais ou de valor econômico, por isso é sempre importante ter um comportamento vigilante para as ações tomadas na rede e para indícios que possam sugerir que houve algum tipo de invasão ao sistema; notadamente, porém, nem toda anomalia representa uma falha de segurança, nem significa que o sistema foi comprometido. Como ter certeza, então, da natureza do problema? A resposta está em uma solução avançada de segurança.

O avanço na sofisticação, complexidade e planejamento dos ataques digitais

Esses fatores fazem com que as soluções tradicionais de defesa de perímetro e remoção de malware no sistema sejam insuficientes, ainda que muito necessárias, para trazer segurança e máxima confiabilidade nas operações da empresa e na privacidade de dados próprios ou de terceiros. Em uma situação de suspeita como a descrita acima, por exemplo, um antivírus tradicional pode não ter capacidade de análise detalhada e profunda o suficiente para descartar um cenário de invasão; esta verificação só é possível a partir do momento que a empresa conta com um composto de soluções de ponta, que ofereça diversas camadas de defesa, desenvolvida por empresas de software especializadas na área e que entregue ferramentas como:

  • Ampla visibilidade: mais do que monitorar acessos de rede, o programa de defesa precisa monitorar uma grande quantidade de portas lógicas dentro do sistema que ele protege, para identificar comportamentos anômalos, ações não autorizadas e outros eventos suspeitos, garantindo visibilidade e controle da rede e seus componentes;
  • Inspetor de e-mails: além de verificar o conteúdo de anexos, seu sistema precisa ser protegido por uma solução que identifique tentativas de ataques de phishing e engenharia social, evitando o problema antes mesmo que ele chegue à caixa do colaborador;
  • Sandbox: qualquer elemento suspeito precisa ser testado em um ambiente seguro e inócuo para a rede, de modo a ser executado sem chance de prejuízo para o resto do sistema, e já ser devidamente processado de acordo com sua natureza;
  • Proteção de endpoint: sua ferramenta precisa também analisar trânsito de dados nos endpoints e fornecer meios de antecipar vulnerabilidades e oferecer recursos de avaliação de risco em caso de invasão para compreender quais fatores favoreceram a quebra de segurança.

Protegendo a rede com soluções de defesa avançada

Como vemos, proteger uma rede vai muito além de prevenir uma invasão direta e procurar vírus em pen-drives e anexos de e-mails: trata-se de uma atividade abrangente, que vai da prevenção à análise de atividades e elementos suspeitos de forma proativa e direcionada. Com as ferramentas certas e uma postura vigilante é possível ter um ambiente de rede confiável, bem protegido e capaz de reagir com rapidez, segurança e precisão em caso de eventos que representem perigo para a empresa e seus clientes, o que se traduz em operações realizadas sem interrupção, preservação da imagem da empresa, segurança para o cliente e credibilidade.