Riscos sob o radar: Entendendo as ameaças fileless

Os hackers usam ameaças fileless para tirar proveito de aplicações existentes e atacar sistemas. No e-book abaixo discutimos eventos, técnicas e práticas recomendadas dignas de nota que podem ajudar a identificar estas ameaças e se defender contra ataques.

As ameaças de segurança tradicionais chegam por e-mails, arquivos ou sites e permitem que os invasores instalem um malware na máquina do alvo escolhido. As ameaças fileless, por outro lado, diferem do malware convencional, uma vez que não dependem de um software ou executável malicioso para infectar um sistema. Em vez disso, elas aproveitam as ferramentas e as aplicações internas de uma máquina para ataques, essencialmente colocando o sistema contra si próprio.

Estes perigos não deixam uma assinatura identificável que possa desencadear a detecção tradicional de softwares de segurança, permitindo que eles esquivam-se dos mecanismos de segurança padrão e potencialmente minem o objetivo dos programas legítimos afetados.

Leia o conteúdo completo em nosso whitepaper abaixo:

Assista também o nosso Webinar gravado: Ataques Fileless: uma ameaça quase invisível